La musique dans mes yeux



Andando pelo universo do sentir encontrei uma vida anímica.
Não, não falo de uma linguagem humana qualquer.
Falo de carregar a alma humana sensificada. Falo de sentir.
Como quando sinto aquela liberdade e me arrepio com o vento no rosto, fazendo o cabelo desgrenhar.
Música minha, não sei mais ser sem ti, porque descobri que só sinto minha alma quando estou contigo.


photo: Gloria Goulart (dez 2009)

Nenhum comentário: