Paris sous la pluie

Chuva, para de trazer trovão
Para de fazer granizo do meu coração
Assim fico triste, e fico sem chão
Com medo de sorrir em vão
E raiva.



Nenhum comentário: